10/23/2008

Porque o país é música

Em tempos de crise é preciso erguer o espírito, mostrar fé, esperança, alegria e coiso. Mas também é preciso lembrar que existem pessoas que sofrem. É o caso de Júlio Miguel e Lêninha, sofrem os dois e metem-nos todos a sofrer também. Mas vale a pena ouvir para que possamos compreender que, ao pé destes dois, a crise até é boazita.
Chamada de atenção para o verso que inclui a expressão " o meu pai está XOFRENDO" e uma nova denominação para a palavra "recluso", neste caso RECULUSO, que deve ser um indivíduo que está detido e é obrigado a ouvir esta música até ao fim dos seus dias. Júlio Miguel e Lêninha cantam sentimentos e alegrias em " O filho do recluso".
Por favor... oiçam.


3 comentários:

Anónimo disse...

é mau. mas... o que ele diz não é "meu pai istá xofrendo" e sim "meu pai, istás sofrendo"...

mas é mauzinho, muito...

provocação disse...

Eu era capaz de jurar que o miúdo está embriagado...perdão, embargado pela emoção.

MiSs Detective disse...

já tinha visto isto num blog qualquer, muitissimo bom!