9/08/2009

É que irrita mesmo...

Irrita-me aquelas miúdas que falam, falam, falam e não se calam. Que têm a mania de usar expressões em inglês tipo "whatever" ou "oh my god"... o que é estranho porque a maior parte delas não tem a quarta classe.

Cheias de penduricalhos como ursinhos, anéis, colares e pulseiras de festivais que aconteceram há dez anos. Quem tem orgulho em dizer que esteve no Avante 98? Eu vi duas raparigas assim no hospital e o principal atributo não era serem rebeldes e fora-da-lei , mas o que chamava a atenção era que cada uma delas pesava mais de 200 quilos. Eram mesmo fora-da-lei porque não cabiam dentro dela. Uma delas estava grávida e tenho cá para mim que quando chegou à consulta o feto disse: quero abortar.

5 comentários:

André Pereira disse...

Ahahah muito bom! E depois ainda dizem: "Sotôr, gorda eu? Isto é da minha estrutura. Eu até estou a fazer dieta..."

Inês Brito disse...

É incrivel o grau de decadência a que muitas pessoas chega nos dias de hoje.

Bj,
(i)

Catarina Valadas disse...

É mesmo, "a juventude de hoje em dia". -.-
E eu faço parte dela :p

Raminhos és grande, cumprimentos desta pequena fã :)

Su disse...

OH MY GOD!!

se calhar a consulta era para um nutricionista ou dietista... Há que ter esperança.

BHernandez disse...

Epá ó Raminhos não existem mulheres gordas.

É sempre " Hoje sinto-me inchada "

toxi-cidade.blogspot.com

abraço homem de Deus